29 de março de 2012

E é sempre a primeira vez, em cada regresso a casa :D

Diz-se que a francesinha foi inventada em 1960 por Daniel da Silva, um emigrante que voltou de França e que tentou adaptar o croque-monsieur para o gosto português (noutras versões da história, a francesinha data do século XIX).

Aqui vai então a receita habitual da nossa francesinha :)

Molho de Francesinha (para seis pessoas):

Ingredientes:

* Uma colher de sopa de azeite (o P. costuma colocar uma colher de sobremesa de manteiga);
* Três folhas de louro;
* 500ml de molho de tomate;
* Piri-piri a gosto;
* Duas cervejas;
* 400ml de leite;
* Duas colheres de sopa de amido de milho (farinha maizena);

Confecção:

* Numa panela refogar o azeite ou a manteiga com o louro;

* Juntar o molho de tomate, o piri-piri e a cerveja;

* À parte, desfazer a farinha maizena no leite frio para não fazer grumos;

* Juntar a mistura anterior na panela;

* Deixar ferver até engrossar.

Normalmente o Pedro vai provando e vai acrescentando sempre mais molho de tomate, piri-piri ou cerveja até ficar completamente satisfeito com o resultado final, por isso a nossa receita acaba por não ser bem bem esta :) Como vêem este molho não é assim tão mau ou tão pouco saudável como o pintam :)

A nossa Francesinha:

Ingredientes (para uma francesinha):

* Duas fatias de pão de forma (podem usar pão de forma integral;
* Duas fatias de queijo;
* Meio bife de vaca fininho;
* Meio tomate às rodelas fininhas (opcional);
* Cogumelos salteados (opcional);
* Uma fatia de chourição (opcional);
* Uma fatia de fiambre (opcional);
* Salsichas (opcional);
* Um ovo estrelado (opcional).

Quando nós fazemos este prato para o nosso grupo de amigos costumamos ter à disposição todos estes ingredientes, e cada um vai montando a sua própria francesinha :) A minha francesinha costuma conter (de cima para baixo):

* Uma ou duas fatias de queijo;
* Uma fatia de pão de forma;
* Meio tomate às rodelas;
* Uma fatia de queijo;
* Cogumelos salteados (que ficam muito bons);
* Meio bife de vaca fininho;
* Uma fatia de pão de forma.

Como vêem não é um prato assim tão pouco saudável quanto isso :) O truque é fazer boas escolhas para o recheio da francesinha e evitar os enchidos (ou colocar em pouca quantidade). De resto, é uma refeição como outra qualquer e contém hidratos de carbono, proteínas e vegetais em doses equilibradas :) Além disso, é um prato bastante saboroso e saciante :)


Antes de irem para o forno :)
A minha francesinha :D
No primeiro ano da Faculdade eu levei os meus amigos de Lisboa a conhecer o Porto, e passámos três dias inteiros a calcorrear as ruas do Porto: visitámos a Praça dos Aliados, a Livraria Lello, os Clérigos, a estação de São Bento e a Ponte D. Luís, fomos à Serra do Pilar, fizemos uma visita guiada nas caves do Vinho do Porto, passeámos na Foz, fomos ao Castelo do Queijo e visitámos a Casa da Música. Divertimo-nos tanto que voltámos a repetir a viagem um ano depois :D 

A francesinha e as tripas à moda do Porto são sem dúvida os pratos mais conhecidos da cidade, e eu sou fã de ambos. No entanto, como não gosto de tripas nem de nenhum dos enchidos que estão normalmente contidos na francesinha (fiambre, linguiça e salsicha fresca), inventei as minhas próprias versões destes pratos :) Um dia mostro-vos a minha receita de 'tripas' à moda do Porto :D 

Até amanhã!

20 comentários:

  1. Hummm tem mesmo bom aspecto. Há muito que ando a pensar fazer francesinha em casa, mas tenho medo de gostar e depois querer fazer sempre :)

    ResponderEliminar
  2. Olá Olá Joana =D
    Oh muito obrigada, não sei se sou, mas pelo menos tento ser assim =)
    É normal que tenhas fases mais complicadas, mas não é por isso que nos deixas de acompanhar, aliás os teus post's estão sempre aqui para animar.
    Então a menina é do Porto, muito bem =) O meu pai trabalha lá, e também já la fui comer uma francesinha.. Mas as tripas, acho que não consigo comer =P
    Beijinhos e um bom dia para ti

    ResponderEliminar
  3. Olá Joaninha,
    O meu marido adora francesinhas e eu já fiz duas tentaivas, mas não aprecio mesmo.
    A última vez que estivemos no Porto fomos ao Capa Negra comer francesinhas, mas a mim não me convenceu :P
    Beijinho

    ResponderEliminar
  4. Para se ter uma alimentação saudavel é preciso primeiro ter a mente saudavel e é aqui que eu peco. As francesinhas tem optimo aspecto e eu como também sou do Porto claro que as conheço e bem ;)

    Obrigado pela dica das bolachas

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. hummmm francesinhas! não é das coisas que mais gosto, mas só por ser característica da minha terra (Porto) aquece-me o coração XD

    ResponderEliminar
  6. Hummmmm esse molho para ser perfeito só lhe falta um bocadinho de caldo de rabo de boi :)
    Eu também adoro o porto a zona norte do país é muito mais bonita e interessante que o sul hehehehe

    ResponderEliminar
  7. Adoro o teu blog, já te tinha dito? :)
    O teu namorado é muito ternurento, ainda bem que estás feliz :)
    Essa francesinha vou experimentar, mas só lá para o verão quando eu estiver em forma. Até lá...estou de castigo.

    Bj

    ResponderEliminar
  8. Até que enfim o post das francesinhas "light". Gostei, realmente esta tua tem muito menos "pecados" do que as que se comem em qualquer lado. Acho que vou experimentar se calhar no domingo. Também não gosto daquela salsicha fresca ou linguiça ou lá o que põem no meio. E esse molho deve dar para congelar...
    Adoro ver que estás de bem com a vida. Beijo

    ResponderEliminar
  9. Já faz muitos anos que não como uma francesinha mas ando com vontade talvez experimente a tua receita;-)bjinhos

    ResponderEliminar
  10. Lá está algo que provei uma vez e fiquei desiludida: francesinhas! Fui ao Porto no ano passado e falavam tanto das ditas que fui provar, e não é que não gostei mesmo nada?! É muita coisa dentro de um pão! eheheh
    Deixei-te uma perguntinha no meu post de hoje :)
    Beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  11. Obrigada Joaninha :)
    Por todas as tuas palavras tão carinhosas.
    Também me sinto muito próxima de ti e já é impossível não me lembrar do teu blog e de ti todos os dias :)
    desejo que sejas muito feliz, sabes disso não sabes? xD
    (sou mimalha, não ligues)
    :)
    Somos as duas do Porto e as duas Joanas... :P

    ResponderEliminar
  12. Fogo..tou tramada com vocês... como se não bastasse as fotos das panquecas( ai tavam mesmo..mesmo..mesmo..boas!!) ainda tenho que levar com francesinhas?!?!?!
    Eu gosto muito..as melhores que ja comi foram no furadouro em Ovar, em matosinhos comi 1 x numa casa onde me indicaram ser as melhores..azar dos azares mal lhe toquei..:S
    Qto às alergias eu sinceramente não sei bem..nos exames acusou alfavaca da cobra e nozes (sim a isto sei bem que sou lolol, mas na verdade basta esas mudanças malukas de clima para eu ter uma crise..mas agora ando bem bem melhor..lololol
    Antigamente passava os dias a ''chorar'' e a põr rolhões no nariz :PPP

    bjinhos

    ResponderEliminar
  13. Olá Joaninha

    Vou com alguma frequência ao Porto, ou melhor, passo por lá para ir para Felgueiras/Guimarães/ Lousada etc, onde estão alguns dos nossos clientes, e : Tripas não gosto mesmo! Francesinhas as que comi, também não gostei! Parece que é a primeira vez que não "alinhamos"! Ah é verdade: também não uso Melissas! lol

    Ontem também jantei com amigos da Faculdade, um casal que vive relativamente perto (21 Kms), ela foi da turma do meu marido e ele foi da minha turma, juntamo-nos frequentemente! Normalmente esquecemo-nos sempre que não temos já aquele intervalo de idade 18-23 anos...!É só disparates misturados com as coisas sérias e menos boas da vida! Enfim durante o tempo que estamos juntos vimos sempre um lado bom em coisas por vezes muito más!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  14. Por acaso também tinha a impressão que o molho das francesinhas era muiiiito pior! Tive um namorado que os pais eram do Porto e a mãe dele fazia uma francesinha que era uma coisa abusiva, nunca conseguia acabar de comê-la! (E para eu não limpar o prato é preciso muito! :p) E tenho a impressão que ela punha um bocadinho de outra bebida alcoólica qualquer no molho, para dar sabor (whisky?)... Não sou GRANDE apreciadora, mas de vez em quando como (cá em Lisboa só comi uma em condições, num restaurante ali para os lados do Rato).

    (O Hadrian's Wall Path foi uma coisa assim repentina. Na altura estava em Inglaterra, e vira-se uma amiga para mim: "Olha, ouvi falar deste caminho assim e assim, queres ir?" E eu, que pensava que era coisa para demorar, no máximo, 1 dia, disse que sim! lol Mas foi espectacular e desconhecia a existência do muro romano, que até é património mundial!
    E, se não conheces, TENS DE IR à Escócia!!! Não me canso de recomendá-la a toda a gente. Edimburgo é muito subvalorizada, nunca ninguém pensa em lá ir e, para mim foi das capitais europeias que mais gostei de conhecer!)

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  15. Olá! Muito obrigada pelo comentário, fico muito contente que gostasses:)
    Eu deixei de escrever porque comecei a tese e deixei de ter vida =P e na realidade, para ser mesmo muito sincera, começou a irritar-me que a maioria dos blogs que eu seguia ou que me comentavam era para falar de parcerias com lojas de maquilhagem ou roupa ou participar em sorteios e nao sei quê...
    Sentia-me mais confortável a falar da dieta do que propriamente de roupa e maquilhagem, apesar de gostar de ambos os temas. Mas a verdade é que estava obcecada com a dieta e precisava de desligar um bocado disso e portanto mudei o tema do blog.
    Mas quem sabe não regresse de vez um dia destes ;)
    Vou começar a seguir o teu blog, parece-me muito interessante!
    Beijinho e mais uma vez obrigada pelo comentário tão querido :)

    ResponderEliminar
  16. Adorooooo francesinhas! Também já fiz, mas usei molho já feito, porqueé bastante complicado (demorado vá) fazer caseiro...Um dia experimento, as vossas têm cá um aspecto....NHAMIII

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  17. UAU!!!!!!!!!!!!!!!!! Quando me passar a neura do dia de ontem vou fazer esta receita!!!! Joana!!!!!!!!! QUE BOM ASPECTO!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  18. Mas eu ainda nao tinha comentado este post?! :O COMO?!

    EU AMO FRANCESINHA...
    sim, gosto mesmo muito, com o molho espesso e picantes e alcoolicas.
    eu faço um molho, mas nao é assim light, mas é muita bom!!!!

    O PORTO É UMA NAÇAAAAO :D

    BEIJINHOS ****

    ResponderEliminar
  19. Que pena não ter conhecido pessoas como tu quando vivi no Porto! Fiz a viagem em direcção inversa à tua: sou do sul e estudei no Porto. Nunca me senti bem naquela cidade! Era fria, cinzenta e agressiva. É claro que não era nada disso, eu é que estava demasiado focada nas minhas saudades de casa para poder apreciar a beleza da cidade. De qualquer forma trouxe coisas boas: o curso, alguns amigos e, claro, o gosto pelas francesinhas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu percebo-te perfeitamente, porque tenho amigas do Porto que vieram estudar para Lisboa e também não gostaram nada (duas inclusivamente desistiram do curso e preferiram ir para outro curso mas ficar perto da família). Não é nada fácil: eu tinha 18 anos, um namorado há três, era a filha mais velha imensamente protegida e não tinha muita facilidade em fazer amigos.

      Mas quando cheguei à Faculdade foi como se estivesse na minha segunda casa :) Conheci o meu grupo de amigos nas praxes, conheci o P. (que na altura era só meu amigo) e hoje em dia adoro viver em Lisboa e só vou embora porque o P. não quer viver aqui, porque senão ficava :)

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />