17 de fevereiro de 2014

Muffins de framboesa e chocolate para um dia ruidoso :)

I'm a shooting star leaping through the skies,
Like a tiger defying the laws of gravity!
I'm a racing car passing by, like Lady Godiva,
I'm gonna go, go, go,
There's no stopping me!

I'm burning through the sky, yeah!
Two hundred degrees,
That's why they call me Mister Fahrenheit!
I'm traveling at the speed of light,
I wanna make a supersonic man out of you.

Queen


Acordei às 7.20. Despachei-me em vinte minutos e saí de casa ainda com um leitinho numa mão e um muffin na outra. Liguei o rádio num volume não recomendável e fui o caminho todo a cantar. Às 8.15 cheguei ao hospital. Era dia de bloco operatório.

Passámos quatro horas na primeira cirurgia e mais de três na segunda. Já passava das quatro da tarde quando almocei - uma sandes de queijo fresco com tomate que me soube mesmo pela vida. Depois de mais três horas no bloco saí finalmente do hospital.

Eram 19.30h.


Cheguei ao carro e desliguei o rádio: estava cansada do barulho, dos sons, das conversas e dos ruídos. Queria simplesmente estar em silêncio comigo e com os meus pensamentos. Queria conduzir calmamente até casa e relaxar depois de um dia tão intenso e cansativo. Queria curar a dor de cabeça.

O Pedro ligou. Combinámos ir jantar ao nosso restaurante preferido: o Don Limão Dona Laranja, do qual já falei aqui. Despachei-o.

A minha mãe ligou. Falámos de dois ou três assuntos triviais dos quais já nem me recordo. Despachei-a.


Quando cheguei a casa fiquei uns cinco minutos dentro do carro a pensar em quão simples é fazer-me feliz: em algumas situações, o silêncio basta. O som do nada. O vazio sensorial.

E fui jantar fora. E comi bem. E vi um episódio de Arrow. E fui para a cama às dez da noite. E dormi lindamente.


Acordei às 7.20. Despachei-me em vinte minutos e saí de casa ainda com um leitinho numa mão e um muffin na outra. Liguei o rádio num volume não recomendável e fui o caminho todo a cantar.

A vida não pára, e eu também não.

(Felizmente não são todos os dias assim. Só mesmo as Segundas e as Quartas. E às vezes as Quintas, vá!)


Muffins de framboesa e chocolate (receita adaptada do blog 'Sally's Baking Addiction')

Ingredientes (para nove muffins):

* 185g de farinha de trigo;
* Duas colheres de chá de fermento;
* Uma pitada de sal;
* Um ovo grande;
* 50g de açúcar branco;
* 50g de açúcar mascavado claro;
* 120ml de leite;
* Quatro colheres de sopa de óleo;
* Meia colher de chá de essência de baunilha;
* 70g de pepitas de chocolate;
* 110g de framboesas frescas.

Confecção:

* Numa tigela grande misturar a farinha, o fermento e o sal;

* Numa tigela média bater bem o ovo e juntar o açúcar branco e o açúcar mascavado, batendo bem até se formar um creme espumoso;

* Acrescentar o leite, o óleo e a essência de baunilha;

* Juntar os ingredientes líquidos aos ingredientes secos e envolver suavemente apenas até os ingredientes ficarem misturados e sem misturar demasiado;

* Juntar as pepitas de chocolate e as framboesas e envolver suavemente;

* Colocar a massa nas forminhas e levar ao forno pré-aquecido a 220º durante cinco minutos;

* Sem retirar os muffins do forno, descer a temperatura para os 190º e deixar cozinhar durante mais quinze minutos.


Até amanhã! :D

10 comentários:

  1. Pois de facto a vida não pára mesmo, e nós temos de a viver com toda a intensidade!
    Belos muffins uma vez mais ;)
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Tem tão bom aspeto *-* Chocolate e framboesa é uma ótima combinação!

    ResponderEliminar
  3. Não sei se já reparaste (claro que já :P), mas os teus posts traumáticos sobre cirurgias de horas de sofrimento e desnutrição (atenção, hipérbole em construção) dão senpre receitas deliciosas... Dizem que a inspiração é a dor :P
    Tanta hora de pé e em angústia deve ser mesmo chato! Não gosto nada de compromissos com duração indeterminada (assumindo que "compromisso" é uma coisa má. Tem de ser, porque implice responsabilidade, certo? :P é que não me queixo se for de férias sem volta marcada! Era bom... Haha)
    Eu acredito que seja mesmo mau, tirando se o leite for da gresso. Ou se os muffins tiverem crumble.
    Essas framboesas parecem tão deliciosas! Eu não quero fazer ciúmes aos muffins, mas estão tão fresquinhas e cor-de-rosa! :)
    Ainda bem que tiveste planos para um fim de dia mais alegre... Para compensar!
    Os muffins estão tão giros e brilhantes! Parece que cresceram um bocadinho mais dos lados e ficaram com o padrão riscado da forma, ou sou só eu a adivinhar :) de qualquer das maneiras, estão mesmo bonitos! (Há pouco fiz só 2 muffins e "sou capaz de" ter deitado fermento a mais. Eles cresceram tanto! Que monstruosidade horrorosa. Aquilo era uma torre com o padrão da forma de silicone, com a altura de 2,5 muffins! Ainda por cima - que surpresa... - desabaram e fizeram uma ovada cozida, parente desdentada da omelete, pesada como um calhau e densa até mais não. Hmmm. Se quiseres também te posso dar a receita.)
    Gosto do blog de que tiraste a receita :D mas até é estranho ver uma receita de lá em que não explicites que o açúcar mascavado e os ovos e o óleo são moistening agents e que o resultado é very, very moist, e que não se usa tudo açúcar mascavado para ficar mais leve and because "I just can't choose between them", e que o óleo é para keeping it soft, porque butter é mais para sabor como por exemplo nestes ultra fudgy brownies (link) e nestes mint swirl brownies (link) e mais nuns que são os melhores de sempre e estão no MY first ever cookbook (which you can get FOR FREE in this giveaway (link)). :P mas gosto do blog :)
    (Ainda bem que isso não é todos os dias, davas em maluca! Também aprecio bastante o silêncio, é horrível passar o dia a ouvir pessoas quase aos berros em todo o lado. I'm looking at you, bus.)
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já me andava a chicotear psicologicamente por passar tanto tempo sem te responder a um comentário, peço imensa desculpa! Ando a ficar sinceramente cansada da vida 'cozinha-que-nem-uma-louca-fotografa-escreve-no-blog-dorme-trabalha', ultimamente nem tenho tido tempo para responder a mails ou a comentários :(

      Mas pronto, vou parar com a chorice :) Sim, normalmente dias menos felizes dão origens a receitas bem sucedidas (e agora que penso nisso dias muito felizes também. Dias mais ou menos felizes só dão direito a receitas mais ou menos boas!) :)

      As framboesas estavam mesmo com um óptimo aspecto, aliás trouxe-as para casa por causa disso! :D Fui ao cabeleireiro, e quando vim embora passei por um supermercado (daqueles com a fruta à venda cá fora) e fiquei louca: trouxe essas framboesas, uns morangos e um monte de maçãs reineta :) Já lá fui novamente e agora tenho no frigorífico framboesas e mirtilos para gastar em algo, vou ver se me inspiro :)

      Sim, estes muffins cresceram mais dos lados. Não gosto muito quando eles ficam assim, mas ficam bons na mesma :) E só aceito a receita dos teus dois muffins se aceitares a minha receita de pastéis de nata, que correu espectacularmente bem (excepto que não!) ;)

      Eu gosto muito do blog dela, e sinceramente tenho um bocadinho de inveja da capacidade dela de auto-promover as receitas. Eu fico sempre a achar que ponho poucos adjectivos, que não descrevo bem, que não passo a ideia de que a receita x ou y é mesmo fantástica, coisas do género ;)

      Vou responder aos teus outros comentários :)

      Eliminar
    2. Frutos silvestres são especialmente bonitos :)
      Pelo que vi no facebook a saga das natas (para mim dizer natas chega :P pastel de nata é demasiado "fino" haha) acabou bem! As mais tostadinhas pareciam imenso pastéis de nata. Pareciam ridiculamente pastéis de nata. Que bonitos!
      Por acaso uma coisa que me chateia é que as receitas de doces tradicionais portugueses são raras! E quando as há são sites muito duvidosos... Bolas de berlim, natas (mas parece que agora esta vai ser solucionada!), broa de avintes (tão. Bom.), etc. E esses ainda têm receitas... Não vi uma única receita para croissants "manteigueiros" (nome horrível, mas bons), aqueles amarelinhos que se derretem na boca e têm uma espécie de tiras em cima e "bicos" largos moldados de uma maneira que os faz ser a melhor parte :) só vejo para croissants folhados, mas isso até eu!
      Os americanos são muitos mais, o que ajuda imenso. O que quer que seja, basta pesquisar e há imensas receitas com opiniões ou de blogs (que acabam por ser muito mais fidedignos que aqueles sites impessoais só com a receita... Só gosto dos populares com sistema de reviews! Fico logo convencida quando tem 50 pessoas a dizer que é a melhor coisa de sempre :) às vezes só fico na dúvida porque pode ter sido o autor a escrever, fico com essa impressão. Mas sou sempre demasiado crédula :) ). Não só há uma receita, também há receitas de blogs com posts enormes a dizer que encontraram finalmente A receita e que aquilo é a melhor coisa de sempre. E que é muito "decadent". Sinceramente, o que é que se passa com americanos e essa palavra?
      O Sally's Baking Addiction é um dos blogs que visito bastante frequentemente :) só acho engraçado que ela se repita um bocado. Não acho que ela se exprime tão estrategicamente bem, só porque é cansativo quando todos os pratos de um blog são os melhores ou mais fudgy ou mais decadent. Acredito que sejam bons, mas acaba por perder a credibilidade... Apesar de tudo tenho imensas receitas de lá (e sou uma hipócrita porque acredito e guardo logo uma receita quando ela diz que é a melhor de sempre). Por acaso tu não és lá muito "gabarolas" nas receitas :P na maioria das receitas acho que dás a entender o suficiente, mas há coisas que dizes fora dos posts (posts posteriores/comentários/facebook - sim, eu não o uso muito mas vou de vez em quando ver a tua página :D) e até estranho porque no post não deste a entender que era assim tão bom... De qualquer das maneiras acho que se pode deduzir pelas fotos e até receita, para além dos teus comentários que às vezes são simples mas são esclarecedores (=dar-me imensa vontade de fazer. Por acaso até acho que és eloquente, porque fico com imensa vontade de fazer! Iogurtes de framboesa, caril, bifes recheados, baklava, bolachas com pepitas, almondegas gratinadas, bolinhos de limão, lemon bars, butterscotch. Ok, esquece, acho que realças extremamente bem, porque nem imaginas a vontade com que fico de experimentar! A sério! Alguns destes já fiz, outros não, mas os que não fiz estão mesmo para breve. Tipo amanhã. Alguns :) )
      Acho que a "Sally" (que confiança...) às vezes é um bocadinho chata. Tu escreves muito melhor!

      Eliminar
  4. Acabei de fazer esta receita...mas devo ter feito algo mal, pois os sacanitas transbordaram da forma :P Tenho pequenos vulcões em erupção no forno :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Encheste demasiado as formas :) De resto, ficaram bons? :D

      Beijinhos!

      Eliminar
  5. Sim, enchi demasiado :P Ficaram óptimos! Além das framboesas coloquei uns mirtilos :) nhamiiii

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />